Conheça Pollença: ótimo passeio de um dia em Maiorca

vista das montanhas na cidade de pollencia, em maiorca, na espanha

A pequena cidade de Pollença é uma agradável surpresa para quem está buscando conhecer um lugar bonito, histórico e com boa gastronomia em Maiorca, na Espanha.

É uma ótima opção para fugir um pouco da praia se você for do tipo que enjoa fácil da areia e do mar, ou para escapar de um azarado dia de chuva na ilha.

>>> Lugares incríveis de Maiorca que você ainda precisa conhecer

Nós comemos na cidade em 2015 no caminho de volta da praia, mas como estávamos apressados para voltar para Palma, nem tivemos tempo de olhar o que havia de bom nos arredores e até – acredite ou não – esquecemos que já havíamos estado por lá.

vista do alto da cidade de pollenca

Em 2017, aproveitamos um dia de folga no trabalho para dar um pulo por lá.

Como estávamos no início de outubro e o dia amanheceu meio nublado, resolvemos fazer alguma coisa diferente de praia (nossa preferência quando estamos trabalhando do escritório de lá).

Conhecer Pollença é uma ótima ideia de bate-volta saindo de Palma, pois fica a 54 km ao Norte da Ilha de Maiorca. Veja só o que não perder por lá:

Escadaria do Calvario

escadaria do calvario em pollenca, na espanha
Olha só o tamanho da subida!

A principal atração da cidade é a escadaria do Calvario, que leva à Esglesia Del Calvari, uma pequena igreja construída no século XVIII.

Ao todo, são 365 degraus (o número é proposital, fazendo alusão aos dias do ano) e muito esforço para chegar lá no alto.

igreja no alto da escadaria do calvario
E essa é a igrejinha no alto do morro, depois da interminável escada.

A recompensa: uma vista belíssima para as montanhas da Serra de Tramuntana e da cidade lá embaixo.

Igreja Santa Maria Dels Àngels

interior de igreja em pollenca, em maiorca na espanha

A igreja Santa Maria Dels Àngels fica ao lado de vários restaurantes no centro histórico.

Construída em estilo barroco e bege por fora – como quase todas as construções históricas da ilha -, ela quase passa despercebida, mas ao entrar você se impressiona com a beleza dos detalhes, dos vitrais às pinturas no teto.

Centro histórico

centro antigo de pollenca, em maiorca, na espanha

O centro histórico da cidade é igualmente minúsculo e especial. Ruelas de pedra, cafés de esquina e restaurantes em volta da praça principal dão a impressão de que estamos parados no tempo ou que, pelo menos, todo mundo está no intervalo da vida real.

vista do alto de pollenca, em maiorca

Minha recomendação é tomar um sorvete ou café por ali, mas deixe para comer em outro lugar, pois a maior parte dos restaurantes dali não passariam nos critérios essenciais para escolher um bom restaurante na viagem.

Bônus: Port de Pollença

vista do port de pollenca, com barcos atracados e dia nublado

Apesar do nome parecido, Port de Pollença é, na verdade, outro município de Maiorca, mas vale a pena dar um pulo lá saindo de Pollença, pois uma está do lado da outra (a menos de 5 minutos de carro).

Por lá, vale a pena conhecer o porto propriamente dito, onde ficam atracados os barcos dos mais abastados.

É uma região bonita e cheia de restaurantes que fazem frente ao mar.


Mais da Espanha:

Guia completo do Caminho de Santiago

5 passeios imperdíveis em Barcelona


Onde comer em Pollença?

Restaurante Celler La Parra

garcom servindo paella em mesa de restaurante em pollenca

Nossa amiga Alex, que trabalha no escritório da trivago em Palma, nos indicou o Celler La Parra como dono da melhor Paella nas Ilhas Baleares.

Ligamos lá com antecedência para garantir que teríamos lugar, já que as expectativas foram lá pro alto.

E valeu a pena, a paella estava fantástica mesmo. Pedimos a paella mista, que vem com frutos do mar e frango.

Se você quiser comer a paella só de frutos do mar, é preciso reservar e avisar com antecedência. Quem chega em cima da hora querendo a paella de mariscos, fica sem.

As paellas mistas custam em torno de 9 euros enquanto as de frutos do mar custam 12 euros. Isso é um preço bem em conta para Maiorca e mais vantajoso que o dos restaurantes do centrinho de Pollença.

E mais:

Ilhas Canárias: o que fazer em Gran Canária

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, escreva seu comentário
Por favor, digite seu nome aqui